Taubaté: UBS Mais Mourisco tem horário estendido de vacinação da tríplice viral

A UBS Mais do Jardim Mourisco retoma na próxima quarta e quinta-feira, dias 18 e 19 de setembro, a vacinação da tríplice viral em horário estendido.
A ideia é atualizar a carteira de vacinação e proporcionar uma opção a mais para quem tem dificuldade em se deslocar durante o horário comercial. No início do mês, os dois dias de horário estendido corresponderam a 165 doses aplicadas.
A aplicação das doses da vacina SCR (sarampo, caxumba e rubéola) acontece das 8h às 10h30 e das 13h às 19h30 nos dias de horário estendido. O município abasteceu a unidade com um estoque extra de vacinas encaminhadas pela regional do Grupo de Vigilância Epidemiológica do Estado (GVE). A UBS Mais Mourisco fica na avenida Santina Alvissus Fernandes, s/nº, Jardim Mourisco.
Atualização
Taubaté soma atualmente nove casos de sarampo confirmados e 34 casos suspeitos em investigação. Outros 13 casos foram descartados. Os casos mais recentes são de duas crianças de 1 ano de idade (menino e menina) moradoras dos bairros Areão e Parque Aeroporto, além de uma mulher de 23 anos moradora do Belém. As crianças estavam vacinadas, porém a mulher não. Também foram realizadas ações de bloqueio vacinal no entorno dos bairros.
Crianças entre seis meses e 11 meses podem ser vacinadas contra o sarampo. A Vigilância Epidemiológica de Taubaté reforça que, mesmo com a aplicação dessa dose, estão mantidas as demais vacinações no calendário, aos 12 meses e reforço aos 15 meses.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3629-6232.

Retire suas dúvidas:
Quem pode tomar a vacina?
Esquema especial
Crianças entre 6 meses e 11 meses: vacina SCR (sarampo – caxumba – rubéola)
Ações de rotina
– pessoas entre 1 e 29 anos de idade: duas doses com intervalo mínimo de 30 dias
– pessoas entre 30 e 59 anos de idade: uma dose
– pessoas com 60 anos ou mais de idade: não precisam ser vacinadas

Quem não precisa tomar a vacina?
Quem está com a carteirinha de vacinação em dia

Quando não posso tomar a vacina?
– A vacina SCR não deve ser administrada simultaneamente com a vacina febre amarela. Nesse momento, reforça-se a necessidade de priorizar a vacinação com SCR, devendo-se agendar a dose da vacina febre amarela com intervalo de 30 dias

SARAMPO: Taubaté chega a seis casos de confirmados

Balanço atualizado da Vigilância Epidemiológica de Taubaté indica seis casos de sarampo confirmados. São 28 casos suspeitos em investigação e outros 12 casos descartados.
O caso confirmado é de uma criança de 3 anos, moradora  no bairro Sonia Maria. Ela passa bem. Foram realizadas ações de bloqueio vacinal no entorno do bairro. Esta criança já tinha sido vacinada.
As doses contra o sarampo estão disponíveis em todas as unidades de saúde que dispõem de salas de vacinação em Taubaté. A relação das unidades pode ser conferida pelo link http://www.taubate.sp.gov.br/unidadesdesaude/.
Crianças entre seis meses e 11 meses podem ser vacinadas contra o sarampo. A Vigilância Epidemiológica de Taubaté reforça que, mesmo com a aplicação dessa dose, estão mantidas as demais vacinações no calendário, aos 12 meses e reforço aos 15 meses.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3629-6232.

Criança de 4 anos é vítima de sarampo em São José dos Campos

 

Uma Criança de quatro anos é a terceira vítima confirmada de sarampo em São José dos Campos.  A paciente é moradora do Jardim Vale do Sol, na região sul da cidade. Outros dois pacientes que tiveram o diagnóstico da doença na cidade em 2019 também são crianças.

Segundo a Secretaria de Saúde, a menina apresentou os primeiros sintomas no último dia 1º. A paciente foi acompanhada, mas não apresentou quadro clínico grave. À época, foi feita coleta para exame laboratorial, cujo resultado foi entregue pelo Instituto Adolfo Lutz nesta quarta.

A administração municipal informou que cumpriu ações de bloqueio vacinal em parentes e pessoas que tiveram contato com a criança. Os outros dois casos confirmados são de uma criança de 1 ano e 11 meses do bairro Palmeiras de São José e de um bebê de 11 meses, do Jardim Santa Inês 2. Os dois foram diagnosticados em junho e tratados. Os dois quadros clínicos também não foram graves.

Taubaté tem sete mortes confirmadas por influenza

Balanço atualizado da Vigilância Epidemiológica de Taubaté indica sete mortes confirmadas por influenza no município até a primeira quinzena de julho. Em todos os casos, os exames deram positivo para o vírus H1N1. No total, são 47 casos confirmados de influenza. O perfil epidemiológico mostra até agora prevalência do vírus H1N1 (40 casos), seguido pela influenza B (5 casos) e H3N2 (2 casos).
No mesmo período do ano passado tinham sido registradas 12 mortes por influenza (11 influenza A não subtipado e 1 H1N1) e 70 casos confirmados da doença com grande prevalência do vírus H3N2 (42 casos).
Existem atualmente quatro mortes suspeitas em investigação. Outras nove mortes foram descartadas.
Taubaté garantiu uma ampla cobertura este ano, com 100.769 doses da vacina contra influenza aplicadas e uma cobertura de 100,41% em relação aos grupos prioritários. O percentual de cobertura superou o do ano passado.
Cuidados
O alerta agora é para o início do inverno, que exige cuidados redobrados por parte da população.  O Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como formas de prevenção: lavar as mãos várias vezes ao dia, cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar com papel descartável, evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal, manter ambientes  ventilados, entre outros.
Prevenção e informação são as melhores ferramentas contra a influenza. Não acredite em boatos espalhados pelas redes sociais, que só servem para alimentar o preconceito e gerar insegurança. Retire suas dúvidas com um médico ou uma autoridade sanitária.
Recomendações
Em caso de síndrome gripal, a recomendação é procurar um serviço de saúde o mais rápido possível. A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus. Por isso, as medidas de prevenção são tão importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral.
Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Perfil das vítimas mais recentes:
Mulher, 52 anos, óbito em 18 de junho
Homem, 89 anos, óbito em 23 de junho
Mulher, 69 anos, óbito em 24 de junho

Taubaté faz atualização de vacina contra febre amarela

Taubaté promove de 25 a 28 de junho uma semana de atualização da vacina contra febre amarela. Esta campanha é destinada apenas às pessoas que ainda não receberam doses da vacina, seja ela fracionada ou integral.
De terça a sexta-feira, as doses estão disponíveis nas salas de vacinação dos postos de saúde do município dentro do horário de funcionamento das unidades. Durante este período, as UBS Mais Independência, Mourisco e Fazendinha também vão aplicar a vacina em horário estendido, das 16h30 às 19h30.
E no sábado, 29 de junho, a UBS Mais Independência vai funcionar das 8h às 17h, dentro da programação do Dia D Estadual de Vacinação contra a febre amarela.
Taubaté superou a meta da campanha do ano passado e atingiu 102,87% de cobertura, o que representa mais de 256 mil doses da vacina contra febre amarela aplicadas. Não há registros da doença este ano no município.

Prefeitura entrega novos equipamentos para a UTI Neonatal

A UTI Neonatal da Santa Casa está mais completa e mais moderna, com os novos equipamentos entregues pela Prefeitura de Pindamonhangaba.

Foram seis incubadoras, seis aparelhos de fototerapia e um radiômetro, somando um investimento de R$ 208.681,50 de emenda impositiva nº 34, do vereador Jorge da Farmácia.

Na manhã desta quinta-feira (30), o prefeito Dr. Isael Domingues, o vice-prefeito e secretário de Governo, Ricardo Piorino, a secretária de Saúde, Valéria dos Santos e o vereador Jorge da Farmácia estiveram na Santa Casa acompanhando o provedor Décio Prates da Fonseca, e o diretor administrativo Luciano Rodrigues Nascimento, para foram conferir a instalação dos equipamentos que já estão disponíveis para a população.

“Esta é mais uma entrega muito importante que fazemos na saúde. São equipamentos de última geração na Unidade de Emergência, para dar mais segurança tanto para os profissionais que trabalham na ala, quanto as futuras mães que necessitarem deste serviço”, disse o prefeito Dr. Isael.

A UTI Neonatal fica ao lado do Pronto Atendimento Saúde Gestante, serviço implantado pela Prefeitura em abril de 2018 e que já é referência na cidade e região, e da maternidade da Santa Casa.

O Pronto Atendimento Saúde Gestante é voltado exclusivamente para as gestantes assistidas pela Rede Municipal de Saúde da cidade. No local, é realizado atendimento especializado, com mais agilidade e em um espaço adequado para o atendimento de recém-nascidos com até 28 dias de vida, evitando também que esses bebês precisem passar pelo PS convencional.

“A melhoria para as gestantes é indiscutível. Antes as futuras mamães tinham que passar pelo Pronto-Socorro, agora não. Elas possuem um Pronto Atendimento exclusivo para elas, e agora com estes equipamentos que são referência na região”, destacou a secretária Valéria. Com este avanço no atendimento para as gestantes, nossa cidade acaba recebendo diversos partos de outros municípios, principalmente de Taubaté.

Campanha de vacinação contra influenza termina na sexta-feira

Até o momento, Pinda vacinou pouco mais de 38 mil pessoas, passando de 80% da meta, que é vacinar 90% das pessoas do grupo prioritário

Com a vacinação realizada na Praça Monsenhor Marcondes realizada pela Prefeitura no sábado (25), Pindamonhangaba vacinou contra a Influenza, até o momento, 38.114 pessoas do grupo prioritário, ou seja, 80,84% da meta, que é de imunizar 47 mil pessoas.

A campanha nacional continua até o dia 31 de maio e está sendo realizada em todos os postos da cidade. Como o menor número de imunizados do grupo prioritário é o de crianças menores de 5 anos, a Secretaria de Saúde realizará, nesta semana, vacinação nas escolas municipais.

A vacinação contra a Influenza é voltada para o grupo de risco determinado pelo Ministério da Saúde: crianças menores de 6 anos, gestantes, mulheres que deram à luz a menos de 45 dias, maiores de 60 anos, trabalhadores da área da saúde, professores, povos indígenas e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

A vacina fornecida, pelo SUS (Sistema Único de Saúde) é a “trivalente” que fornece imunização aos vírus Influenza subtipos A (H1N1; H3N2) e subtipo B vírus respiratórios (VSR, Parainfluenza e Adenovírus).

Pinda realiza vacinação contra a influenza neste sabádo

A Praça Monsenhor Marcondes recebe, neste sábado (25), o Ônibus da Saúde com o segundo Dia D da Vacinação contra a Influenza. Será das 7 às 16 horas, e contará, ainda com coleta de exames preventivos gratuitos.

A vacinação será voltada para o grupo de risco determinado pelo Ministério da Saúde: crianças menores de 6 anos, gestantes, mulheres que deram à luz a menos de 45 dias, maiores de 60 anos, trabalhadores da área da saúde, professores, povos indígenas e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

A vacina fornecida, pelo SUS (Sistema Único de Saúde) é a “trivalente” que fornece imunização aos vírus Influenza subtipos A (H1N1; H3N2) e subtipo B vírus respiratórios (VSR, Parainfluenza e Adenovírus).

Até o momento, Pinda vacinou 73% da população, ou seja, mais de 34 mil pessoas que fazem parte dos grupos indicados pelo Ministério da Saúde. A meta para o município é de imunizar 47 mil pessoas.

O maior grupo de pessoas imunizadas é o de idosos, com 13.111 vacinados. O grupo prioritário de crianças continua abaixo no número ideal: apenas 7.850 crianças foram imunizadas, sendo que a meta é 11.359.

Taubaté supera 66,2 mil doses de vacinas contra influenza

Balanço da Vigilância Epidemiológica de Taubaté indica que já foram aplicadas 66.280 doses da vacina contra influenza no município desde o início da campanha em 10 de abril.
Puérperas (mães que deram à luz recentemente) e professores são os grupos prioritários com maiores percentuais de adesão . Em números absolutos, os idosos permanecem como grupo com maior quantitativo de doses aplicadas.
A campanha segue até o dia 31 de maio. Mais informações podem ser obtidas junto à Vigilância Epidemiológica de Taubaté pelo telefone 3629-6232.
 
Campanha de vacinação contra influenza (prévia de 10 de abril a 9 de maio)
Total de doses aplicadas: 66.280
Total de doses para os públicos alvo com meta de cobertura: 50.769 (cobertura de 73,67%)
 
Crianças
Público – 20.254
Doses aplicadas – 13.924
Cobertura – 68,75%
 
Gestantes
Público – 2.963
Doses aplicadas – 2.011
Cobertura – 67,87%
 
Puérperas
Público – 487
Doses aplicadas –559
Cobertura – 114,7%
 
Trabalhadores da Saúde
Público – 8.904
Doses aplicadas – 5.611
Cobertura – 63,02%
 
Idosos
Público – 32.323
Doses aplicadas – 25.288
Cobertura – 78,24%
 
Professores
Público – 3.977
Doses aplicadas – 3.376
Cobertura – 84,89%
 
Pacientes com comorbidade (sem meta de cobertura) – 15.087 doses
Policiais (sem meta de cobertura) – 424 doses
Go to top
JSN Time 2 is designed by JoomlaShine.com | powered by JSN Sun Framework