Taubaté registra primeiros casos de dengue 2

Balanço da Vigilância Epidemiológica de Taubaté indica que o município chegou à primeira quinzena de abril com o registro de 36 casos positivos de dengue, entre os quais 3 casos do sorotipo 2. No mesmo período do ano passado foram 25 casos da doença, todos do sorotipo 1.
Dos três casos do novo sorotipo, dois são autóctones (contraídos no próprio município) e um é importado. Essa é a primeira vez que Taubaté registra casos de dengue 2. Existem atualmente quatro sorotipos da doença. O risco não está relacionado diretamente ao sorotipo e sim à superposição de vírus. Pessoas infectadas por sorotipos diferentes em um período de seis meses a três anos podem ter uma evolução para formas mais grave da doença. Já há relatos de circulação da dengue 2 em outros municípios paulistas.
O Controle de Animais Sinantrópicos (CAS) de Taubaté mantém as estratégias de ação imediata nas regiões onde houve confirmação de casos de dengue, com bloqueios e nebulização.
A Análise de Densidade Larvária (ADL) de outono está em fase final e a expectativa é de que os resultados estejam prontos para divulgação no início de maio.
Até agora Taubaté conseguiu conter o risco da proliferação de casos de dengue, mas o apoio e conscientização da população são essenciais neste momento, já que cabe às famílias o combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti. Não há registro este ano de casos de zika, chikungunya e febre amarela.

Casos confirmados de dengue em Taubaté
Período – janeiro a 15 de abril
Dengue tipo 1 – 33 casos (18 autóctones e 15 importados)
Dengue tipo 2 – 3 casos (2 autóctones e 1 importado)
Total – 36 casos

Vacinação contra influenza supera 5.100 doses em Taubaté

A primeira fase de vacinação contra influenza em Taubaté, entre os dias 10 e 18 de abril, somou 5.134 doses aplicadas. Foram vacinadas nesta primeira fase gestantes, puérperas (mães até 45 dias após o parto) e crianças de 6 meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias. Estes três públicos representam um total de 23.704 pessoas a serem vacinadas.
De acordo com balanço da Vigilância Epidemiológica do município, em termos percentuais as puérperas apresentaram maior adesão, seguidas pelas gestantes e pelas crianças.
A partir desta semana até 31 de maio serão vacinados os demais grupos prioritários, como idosos, trabalhadores da saúde e professores, mantendo a vacinação das crianças, puérperas e gestantes.
O Dia D da campanha de vacinação ficou definido para 4 de maio e a campanha termina no dia 31 de maio. A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus. Por isso, as medidas de prevenção são tão importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral.
Mais informações podem ser obtidas junto à Vigilância Epidemiológica de Taubaté pelo telefone 3629-6232.
 
Primeira fase de vacinação contra influenza
Crianças
Público – 20.254
Doses aplicadas – 4.091
Cobertura – 20,20%
 
Gestantes
Público – 2.963
Doses aplicadas – 827
Cobertura – 27,91%
 
Puérperas
Público – 487
Doses aplicadas – 216
Cobertura – 44,35%

Vacinação de gripe tem horário estendido em algumas unidades de Taubaté

O horário de aplicação de vacina contra a Influenza será estendido na próxima semana em Taubaté. O atendimento, nas unidades dos bairros Independência, Mourisco, Fazendinha e Chácaras Reunidas será até às 19h, na semana de 23 a 26 de abril.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza teve início no dia 10 de abril e segue o calendário nacional. As vacinas estão disponíveis em 13 unidades de saúde com um horário padronizado de atendimento de segunda a sexta-feira. Destas, a UBS Mais Independência é a única que funciona sem intervalo para almoço. Outros 19 postos vão fazer a vacinação em dias específicos.

De acordo com recomendação do CVE-SP (Centro de Vigilância Epidemiológica), a vacinação ocorrerá em diferentes etapas. Até o dia 22 de abril serão imunizadas as gestantes, puérperas (mães até 45 dias após o parto) e crianças de 6 meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias. Também ocorrerá atualização de caderneta de Vacinação conforme a situação vacinal encontrada e as indicações do Calendário Nacional de Vacinação.

A partir do dia de 23 de abril até 31 de maio serão vacinados os demais grupos prioritários, como idosos, trabalhador da saúde e professores, mantendo a vacinação das crianças, puérperas e gestantes.

O Dia D da campanha de vacinação ficou definido para 04 de maio, e a campanha termina no dia 31 de maio. A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus. Por isso, as medidas de prevenção são tão importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral.

Taubaté atingiu 97,69% de cobertura vacinal de seu público-alvo na campanha do ano passado. A previsão para este ano é aplicar 104.912 doses.

Mais informações podem ser obtidas junto à Vigilância Epidemiológica de Taubaté pelo telefone 3629-6232.

Unidades de Saúde
Funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8h às 10h30 e das 13h às 15h30
1 – Três Marias 1 (Fazendinha ) (horário estendido até às 19h, de 23 a 26 de abril)
2 – Três Marias 2
3 – Bosque
4 – Baronesa
5 – São Pedro
6 – Imaculada
7 – Bonfim
8 – Cidade Jardim
9 – São Gonçalo
10 – Independência (horário estendido até às 19h, de 23 a 26 de abril)
11 – Novo Horizonte
12 – Quiririm
13 – Aeroporto
14 – Estiva
15 – Mourisco (horário estendido até às 19h, de 23 a 26 de abril)
16 – Gurilândia
17 – Jaraguá
18 – Vila Marli
19 – Santa Isabel

Funcionamento das 8h às 10h30 e das 13h às 15h30 em dias específicos
1- Belém (segunda, quarta e sexta)
2- Santa Tereza (segunda, quarta e sexta)
3- Planalto (terça e quinta)
4- Esplanada (segunda, quarta e sexta)
5- Registro (terça e quinta)
6- Piratininga (terça e quinta)
7- Estoril (terça e quinta)
8- Chácaras Reunidas (segunda, terça e quarta) (horário estendido até às 19h, de 23 a 26 de abril)
9- Vila São José (terça e quinta)
10- Água Quente (terça e quinta)
11- Ana Rosa (terça, quarta e sexta)
12- São João (período da tarde)
13- Continental (terça o dia todo e sexta de tarde)
14- Marlene Miranda (terça e quinta)

Em Pinda, farmácia municipal vai atender nos feriados e finais de semana na UPA e no PS

Levar a saúde para mais perto das pessoas. A Prefeitura de Pindamonhangaba aceitou esse desafio e, por isso, diversas ações estão sendo realizadas visando beneficiar os munícipes que se utilizam diretamente do SUS – Sistema Único de Saúde.

A Secretaria de Saúde da Prefeitura está em fase final de implantação de duas farmácias para atender a população com medicamentos como antibióticos e antitérmicos, nos horários e dias em que a farmácia municipal estiver fechada, ou seja, finais de semanas, feriados e período noturno durante a semana. Serão duas unidades da farmácia: uma no Pronto-Socorro Municipal e outra na UPA de Moreira César.

Essas duas novas unidades trabalharão somente com os medicamentos do REMUME – Relação Municipal de Medicamentos – que são aqueles comprados pelo município. Os demais medicamentos, enviados pelos governos Federal e Estadual, continuarão somente na farmácia municipal. A população também pode continuar retirando medicamentos nos postos de saúde de seus bairros. portalr3

De acordo com informações da secretária de Saúde da Prefeitura, Valéria Santos, ao longo dos anos de gestão estão sendo colocadas em prática ações para melhorar a vida das pessoas que utilizam o SUS. “A instalação da farmácia nessas unidades estava em nossa programação desde o início da gestão e agora está sendo colocada em prática, o que certamente vai beneficiar muito as pessoas que utilizam a UPA e o PS nos dias em que a nossa farmácia municipal esteja fechada. Essa ação vem somar a outras que temos desenvolvido, como o Ônibus “No Caminho da Saúde” atendendo nas áreas rurais, a descentralização do laboratório municipal para os bairros, a ampliação dos serviços do Cpic, a estruturação da Ouvidoria da Saúde, entre tantas outras iniciativas para deixar a saúde mais acessível a todos”, avaliou, lembrando ainda do aplicativo para marcação de consultas, que está em fase de testes e logo também será lançado.

A secretária explicou ainda que a previsão para que estes novos pontos da farmácia estejam em funcionamento é ainda neste mês de abril. Para tanto, foi implantado o Sistema Horus, do Ministério da Saúde, para controle do estoque e da distribuição de medicamentos – atualmente, em fase de cadastramento de todos os itens disponíveis do REMUME.

“Nossa intenção é que no feriado da Páscoa já consigamos estar com todos os medicamentos cadastrados e disponibilizados nas duas farmácias”, adiantou a secretária Valéria.

O prefeito Isael Domingues lembra que no início da gestão a farmácia central enfrentava dificuldades. “Logo que assumimos a Prefeitura, fiz uma visita ao almoxarifado da farmácia e nos deparamos com prateleiras vazias. Com muito trabalho, conseguimos repor os estoques e hoje fornecemos mais de 180 itens, com faltas pontuais, devido ao atraso de fornecedores ou itens que são fornecidos pelo Estado”, avaliou o prefeito. “Agora, com esses novos pontos, ampliamos o atendimento em horários que antes não era possível”, concluiu.

Farmácia Popular

Além da Farmácia Municipal, Pindamonhangaba conta com diversas farmácias cadastradas no programa do Ministério da Saúde “Aqui tem Farmácia Popular”, onde os pacientes do SUS podem retirar medicamentos gratuitos para hipertensão, diabetes e asma. Além deles, o Programa oferece mais 11 itens, entre medicamentos e a fralda geriátrica, com preços até 90% mais baratos utilizados no tratamento de dislipidemia, rinite, mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma, além de contraceptivos e fraldas geriátricas para incontinência urinária.

Campanha de vacinação contra a gripe começa esta semana em todo o país

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa na próxima quarta-feira (10) em todo o país. De acordo com o Ministério da Saúde, a imunização, este ano, foi antecipada em cerca de 15 dias em relação aos anos anteriores, quando a campanha teve início na segunda quinzena de abril.

Nesta primeira fase, serão priorizadas crianças com idade entre 1 ano e 6 anos, grávidas em qualquer período gestacional e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto). A escolha, segundo o ministério, foi feita por causa da maior vulnerabilidade do grupo.

A partir de 22 de abril, todo o público-alvo da campanha poderá receber a dose, incluindo trabalhadores da saúde, povos indígenas, idosos, professores de escolas públicas e privadas, pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A definição, de acordo com o ministério, também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente o vírus da gripe. A meta é imunizar pelo menos 90% dos grupos elegíveis para vacinação.

Ônibus da Saúde vai atender na área rural de Pinda

A partir desta segunda-feira (8), o ônibus “No Caminho da Saúde” estará atendendo na área rural de Pinda, reforçando o atendimento à população das áreas mais distantes do centro. O primeiro local a receber a ação será o bairro das Oliveiras.

O atendimento será das 9 às 16 horas, com consulta médica e consulta de enfermagem. Serão 16 vagas de manhã e 16 vagas no período da tarde, por ordem de chegada. O ônibus estará ao lado do centro comunitário do bairro.

De acordo com a Secretaria de Saúde da Prefeitura, todas as segundas-feiras o ônibus estará em uma região rural da cidade.

Taubaté Shopping recebe exposição sobre doação de sangue

A relevância de uma ação importante como a doação de sangue é um tema de uma exposição no Taubaté Shopping. A iniciativa é da Associação Brasileira dos Artistas Plásticos Contemporâneos (ABAPC) que realiza a mostra "No azul" para conscientizar a população sobre a importância da doação de sangue e sua contribuição para salvar vidas.

São obras de 12 artistas, cada um com uma peça exposta. De todas, apenas uma é na cor vermelha, representando o sangue, e o restante se destaca pela cor azul, para conscientizar a população de que os estoques devem sair da cor vermelha, da falta de sangue, e ficar "no azul", com os estoques em bons níveis. 

Robert Richard, presidente da ABAPC, considera importante levar exposições com temas sociais para os centros de compras, aproximando a arte e a conscientização da população. "Os shoppings são espaços com bastante público, onde eles podem ter o contato com a arte. É importante usar essa oportunidade para levar as questões de importância social que precisam ser debatidas", afirma.

A exposição permanece no Taubaté Shopping até 28 de dezembro e pode ser conferida na Alameda Cultural. Para os interessados em realizar doação de sangue, o Hemocentro de Taubaté fica localizado na Avenida Inglaterra, 190, no bairro Jardim das Nações. O telefone para contato é (12) 3624-1273.

Prefeitura inaugura UPA de Moreira César nesta quarta-feira

A Prefeitura de Pindamonhangaba realiza, nesta quarta-feira (19), às 16 horas, a cerimônia de inauguração da UPA – Unidade de Pronto Atendimento – de Moreira César.

O prédio contará com sala de exame, de inalação, de aplicação de medicação, de observação adulto e infantil, de eletrocardiograma, de curativos, de coleta de materiais para exame, de imobilização de fraturas, de atendimento emergencial, de exame de radiologia, entre outras, além da parte administrativa, contendo sala de treinamento e reuniões com capacidade para trinta pessoas. O local conta com 1.538,71 m² de área construída.

A UPA faz parte do convênio entre Prefeitura e Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, e fica localizada na rua José Teberga, 601, próximo ao Cisas e a unidade do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

A entrega da UPA de Moreira César é uma vitória, obtida após a união de esforços de diversos setores da administração municipal e, principalmente, resultado de uma gestão focada e voltada para a economicidade. “Construir o prédio foi a parte mais fácil, o difícil foi colocar a UPA para funcionar, neste período de crise econômica em que vive o país e na Prefeitura que encontramos, com a folha de pagamento inchada e a impossibilidade de fazermos contratações”, explicou o prefeito Isael Domingues. “Focamos a gestão na economicidade e agora, como resultado, podemos entregar para a população não apenas um prédio, mas uma unidade com equipamentos novos e, principalmente, com atendimento humanizado, que é o mais importante, para que a população seja devidamente acolhida e receba o melhor tratamento que pudermos disponibilizar”, destacou.

Preparativos para a inauguração - Preparando o local para a formatura, desde quinta-feira (13), o Pronto Atendimento de Moreira César começou a trabalhar com algumas limitações, pois após a inauguração, os atendimentos de urgência e emergência serão todos realizados apenas na UPA. 

Durante esta transição, foram realizadas a retirada dos equipamentos de raio-X e gerador central do PA de Moreira César e instalação na UPA, para a ligação da rede de oxigênio e testes de todos os equipamentos.

O SAMU de Pindamonhangaba e de Moreira César já foi oficiado com a solicitação de retaguarda e reforço para os atendimentos dos casos graves e acidentes, que deverão ser encaminhados, durante esses dias, diretamente para o Pronto-Socorro Municipal, até a inauguração da UPA de Moreira César.  

O funcionamento da UPA de Moreira César para atendimento à população iniciará, oficialmente, no dia 20 de dezembro.

Ministério da Saúde faz alerta para vacinação em período de férias

O Ministério da Saúde faz um alerta aos viajantes neste fim de ano: manter a caderneta de vacinação atualizada é fundamental para ter uma viagem saudável e tranquila. Pelo menos 10 dias antes da viagem, o turista deve atualizar a caderneta de acordo com as orientações do Calendário Nacional de Vacinação. Segundo a pasta, viajantes devem dar atenção especial às vacinas contra sarampo, hepatites A e B, e a febre amarela.

A pasta disponibiliza uma seção em seu site com informações, dicas e orientações sobre a saúde do viajante.

Uma das doenças de maior risco de transmissão no verão é a febre amarela, com registro em áreas com grande contingente populacional desde 2017. Atualmente, mais de 4 mil municípios são considerados áreas com recomendação de imunização. A vacina contra a febre amarela é ofertada gratuitamente no Calendário Nacional de Vacinação, e apenas uma dose é suficiente para a proteção por toda a vida.[link: ]

Outra vacina importante para quem for viajar é a contra o sarampo. Isso porque o Brasil enfrenta atualmente dois surtos da doença: no Amazonas, com 9.724 casos confirmados e, em Roraima, com 349. Também há registros de casos em São Paulo, no Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, em Rondônia, Bahia, Pernambuco, no Pará, Distrito Federal e em Sergipe.

Outro alerta da pasta é direcionado aos turistas que necessitem de medicamentos de uso contínuo. O viajante não deve esquecer a prescrição médica e precisa levar a quantidade suficiente para o período em que estará fora de casa. Além disso, é importante esclarecer que o Ministério da Saúde recomenda o uso de repelentes como medida de proteção para quem não pode se vacinar, como as gestantes que não podem tomar a vacina contra a febre amarela.

Go to top